Image Hosted by ImageShack.us
Image Hosted by ImageShack.us
Terça-feira, 23 de Janeiro de 2007

Mais um poema

Para além do Universo luminoso,

Cheio de formas, de rumor, de lida,

De forças, de desejos e de vida,

Abre-se como um vácuo tenebroso.

A onda desse mar tumultuoso

Vem ali expirar, esmaecida...

Numa imobilidade indefinida

Termina ali o ser, inerte, ocioso...

E quando o pensamento assim, absorto,

Emerge a custo desse mundo morto

E torna a olhar as cousas naturais,

À bela luz da vida, ampla, infinita,

Só vê com tédio, em tudo quanto fita,

A ilusão e o vazio universais.

 

Antero de Quental

Hoje estou:: feliz por estar aqui
tags: ,

publicado por picarota310172 às 17:03
link do post | que me dizes? | favorito
|
Myspace, Myspace Graphics, Myspace Backgrounds

Quem sou eu?


ver perfil

seguir perfil

. 17 seguidores

O que procuras?

 

Julho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Últimas publicações

De volta...outra vez!

De olhos postos nos céus....

MAR

De volta ao Maroiço...

Por entre mar e flores...

Fado Maroiço

No topo do mundo...

A UM POETA (surge et ambu...

Mais Pico no seu melhor

Ilha do Pico - maravilhas...

arquivos

Julho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

links